O exercício da sexualidade depende de vários fatores que compõem as histórias das pessoas relacionadas com elas mesmas, com suas famílias e com o mundo. A sexualidade humana é complexa, produz um leque comportamental, circunstancial e ambiental, podendo modificar o registro biológico do ser humano. A dificuldade de conversa entre pais e filhos só faz aumentar as dúvidas juvenis. Sexo como assunto proibido faz com que o púbere busque informações incorretas. A escola é a instituição que educa as crianças para a vida, estabelecendo regras e limites. As dúvidas infanto-juvenis diminuem quando discutidas em sala de aula, onde cada um passa a falar de seus conflitos através de tarefas, atividades etc. Ressaltamos que os assuntos aqui abordados resultaram de uma pesquisa com mais de 14 mil jovens, coletando e respondendo suas dúvidas sobre o namoro, o uso do preservativo, a transa, as drogas, gravidez indesejada, DST, bullying, rebeldia do adolescente, processos biológicos/influência hormonal, primeira visita ao ginecologista/urologista, menarca/menstruação, exploração sexual infanto-juvenil, violência, como agir em caso de abuso etc. Este livro é indicado para aulas de orientação sexual escolar.